Fotografias – Banda Municipal de Câmara Lobos

O registo da longeva atividade das bandas filarmónicas regionais em suportes fotográficos, fonográficos, videográficos e multimédia, realizado pelos seus diretores, maestros, executantes, associados e simpatizantes, e proficuamente salvaguardados e coligidos pelos corpos diretivos, remanesce em fundos (ou sub-fundos) específicos. Embora escassos para o período de fundação e primeiras décadas de atividade da grande maioria das bandas filarmónicas, os registos fotográficos, fonográficos e multimédia asseveram o mérito artístico (e o labor administrativo que o sustenta) daquelas coletividades e dos seus membros, constituindo-se como testemunhos de suma relevância dos marcos históricos que se assinalaram em cento e setenta anos de movimento filarmónico regional e nacional.

Introduzidos em Portugal aquando da seminal constituição de várias sociedades filarmónicas, o daguerreótipo e a fotografia são fontes documentais extremamente relevantes, muitas vezes, únicas, que nos permitem conhecer a constituição, fardamento, o instrumentário, e, sobretudo, a atividade simbólica e recreativa das bandas filarmónicas regionais no período que se prolonga da segunda metade do século XIX às últimas décadas do século XX. O vasto espólio fotográfico das bandas filarmónicas regionais deve, pois, ser preservado e divulgado. Convidamo-lo a recordar vários momentos marcantes da Banda Municipal de Câmara de Lobos.

Voltar

Comece a escrever e pressione Enter para pesquisar